Rádio Super - A Original

MENU
Logo
Domingo, 28 de fevereiro de 2021
Publicidade
Publicidade

Sorocaba - RMS

Jovem de 23 anos aguarda quimioterapia há seis meses, sem previsão de início

A jovem de Votorantim luta contra um câncer de mama

1607
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Uma jovem de 23 anos, moradora de Votorantim, na região Metropolitana de Sorocaba, espera há seis meses, o início do tratamento de quimioterapia.

Thainá Aparecida Barbosa, mãe de uma menina de cinco anos, descobriu em julho de 2020 , que tinha um caroço em um dos seios. Depois de ter dores no local, foi diagnosticada erroneamente com infecção mamária; ao procurar outro médico e fazer exame de imagem, descobriu um tumor maligno.

Desde então, Thainá, sua mãe Tatiana e seu padrasto, Eduardo, têm vivido um dilema, que é buscar o mais rápido possível o tratamento e dar condições para que Thainá tenha uma alimentação melhor e que possa ter os remédios que aliviem as fortes dores que a jovem sente.

Thainá tem 23 anos e espera há seis meses, tratamento contra um câncer

 

Thainá se casou jovem, aos 18 anos e sempre teve uma vida ativa, trabalhando e cuidando de sua filha, porém a vida mudou radicalmente; seu marido teve que abandonar o trabalho para cuidar da filha e dela, que tem a maior parte dos seus dias, deitada, por causa das fortes dores, que começaram apenas no seio atingido pela doença, depois se espalhando pelo braço e costa. Os fortes remédios, inclusive morfina, um remédio analgésico que tem um potente efeito no tratamento da dor crônica ou aguda muito intensa, como o câncer, são necessários quase que diariamente.

Nova descoberta

Ao  fazer os exames em que descobriu o tumor, Thainá também teve uma surpresa, ao ser informada pelos médicos, que estava com um nódulo em um dos pulmões e um cisto em um dos rins.

Lei dos 60 dias

A Lei nº 12.732, de 22/11/2012, que versa a respeito do primeiro tratamento do paciente com neoplasia maligna comprovada, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), afirma que o paciente tem direito ao início do tratamento em até 60 dias, a partir do diagnóstico, com o laudo comprovando a doença. Faz 180 dias que Thainá espera, enquanto a doença avança.

Através de vereadores, a família da jovem, buscou apoio da Prefeitura de Votorantim, porém não conseguiu auxílio, apenas a informação de que "ela está na fila e tem que aguardar".

Na justiça

A família da jovem Thainá, entrou na justiça, através da Defensoria Pública, para conseguir agilizar o tratamento, porém a justiça de Votorantim, negou. A família recorreu e aguarda uma nova decisão.

Ajuda

A mãe e o padrasto de Thainá, falaram com a Rádio Super, sobre a ajuda que precisam para a filha: "alguns amigos nos ajudam e é muito valiosa essa ajuda, porém é esporádica e não temos muitos conhecidos aqui em Votorantim, pois moramos aqui há cinco anos, quando viemos de São Paulo".

Tatiana, a mãe de Thainá, disse : "temos às vezes, vergonha de pedir ajuda, mas é a vida da minha filha e precisamos pedir essa ajuda, pois fazemos tudo o que podemos nas nossas condições" e completou, "a Thainá vive o tempo todo deitada, ou por causa dos remédios ou pelas fortes dores que sente; era uma menina muito animada".

Os pais da jovem explicaram que fazem de tudo o que podem mas a Thainá precisa de uma alimentação mais leve, com frutas e líquidos, o que faz doer menos ao comer.

Alguns remédios são retirados no posto de saúde, porém outros são comprados e as condições da família não são suficientes para comprar todos os remédios e as coisas necessárias.

As pessoas que quiserem ajudar, podem entrar em contato com a família, pelo telefone / WhatsApp, 15 - 988293102 e podem falar com Tatiana ou Eduardo. Existe também, uma vaquinha virtual , que é acessada por este link.

Thainá  aguarda decisão judicial para iniciar o tratamento.

 

Fonte/Créditos: Rádio Super

Créditos (Imagem de capa): Arquivo de família

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Estamos felizes em ter você com a gente. Deixe seu recado