Rádio Super - A Original

MENU
Logo
Sábado, 23 de janeiro de 2021
Publicidade
Publicidade

Sorocaba - RMS

É lançado programa que tem a intenção de promover a regularização fundiária em Sorocaba

O Casa Digna Sorocaba faz parte do Plano de Governo da atual administração

32
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Foi lançado na segunda-feira (11),  o programa Casa Digna Sorocaba, que tem a intenção de trazer inovações para a regularização fundiária na cidade. Em cerimônia que teve a presença do prefeito Rodrigo manga (Republicanos), foi realizada a entrega inicial de títulos de posse de imóveis a 40 famílias do bairro de Aparecidinha.

O Casa Digna Sorocaba faz parte do Plano de Governo da atual administração e deve amparar as famílias que mais precisam ao direito de moradia digna. "Em parceria com as universidades e com a Associação dos Engenheiros e Arquitetos, o programa vai trabalhar, não apenas com a regularização fundiária, mas também com a regularização da construção das casas e de qualquer modificação que a pessoa possa vir a fazer no imóvel, no prazo de alguns anos. Ao longo do programa, vamos realizar milhares de documentações para a população", declarou o prefeito, Rodrigo Manga.

A iniciativa municipal ampliará as ações de regularização fundiária, estabelecendo parceria com universidades para facilitar o levantamento planialtimétrico cadastral, o laudo ambiental e o cadastro social das famílias, além de fornecer assistência técnica construtiva e legalização das edificações, facilitando o financiamento de materiais para construção e transmissão do imóvel.

Outra novidade trazida pelo programa é a urbanização de favelas, com núcleos já identificados e precisamos. O município deve bascar recursos junto ao Governo Federal.

 

Entrega de títulos de imóveis

Os primeiros 40 moradores de Aparecidinha conquistaram, nesta segunda-feira (11), um sonho de décadas, de forma gratuita, garantindo a segurança da posse do seu lar. São imóveis que foram construídos há mais de 30 anos, sem autorização, e que, agora, se tornam propriedade definitiva dessas pessoas.

 

 

 

Fonte/Créditos: Secom

Créditos (Imagem de capa): Secom

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Estamos felizes em ter você com a gente. Deixe seu recado